A Leite Brasil
Ações
Estatísticas
Artigos
Legislação
Fale Conosco

 

Quem Somos

 

A Associação Brasileira dos Produtores de Leite, nome fantasia Leite Brasil, é uma entidade de classe de representação nacional dos produtores de leite, fundada em 1997 em São Paulo. Sucessora da Associação Brasileira dos Produtores de Leite B, fundada em 1972, tem como objetivos defender institucionalmente os produtores de leite nas esferas pública e privada, nacional e internacional, mediando conflitos e estabelecendo diretrizes que valorizem a atividade e o produto leite.

Suas metas prioritárias são melhorar a qualidade do leite, fomentar o consumo, proteger o mercado brasileiro, fazer marketing, defender o produtor formal e aumentar o quadro associativo.

A fundação da Leite Brasil decorreu da necessidade de se organizar uma entidade moderna, contemporânea e plenamente capacitada para enfrentar as grandes transformações que estão ocorrendo no mundo.

Todas essas transformações estão diretamente vinculadas à atividade: disputa acirrada do mercado interno e externo, maciça concentração do capitalismo industrial e financeiro, advento de tecnologias revolucionárias e a obsessiva exigência da qualidade alimentar pelos consumidores.

É nesse desafiador cenário que a Leite Brasil desenvolve suas ações de defesa intransigente dos interesses de todos os produtores de leite do país, independente da localização, do volume de produção, do tipo de leite produzido ou de qualquer outra característica.

A Leite Brasil empunhou três bandeiras importantes, defesa da renda do produtor de leite, a extinção do leite informal e a modernização das normas de produção.

Se a Leite Brasil sair vitoriosa nessas três missões, poderemos dizer que deu um passo de gigante no sentido de remover os problemas que impedem a estruturação da atividade em bases reclamadas pelos produtores.

Para atingir esses objetivos a Leite Brasil precisa de força política e econômica e isso só se consegue com o apoio incondicional de seus associados, exatamente como fizeram produtores estrangeiros em relação às suas entidades e que por isso mesmo dão as cartas no mercado mundial.

O produtor brasileiro precisa se conscientizar que nas suas próprias mãos está o futuro, e se ele não fizer isso poderá dizer adeus ao seu sonho de melhores dias. É um surrado discurso, mas que agora está chegando ao seu final. A sobrevivência da Leite Brasil é a sobrevivência da nossa classe.